A Rede D’or São Luiz, inaugurou, em outubro de 2016, o seu primeiro hospital do futuro no Rio de Janeiro, localizado em Copacabana, entre as ruas Joseph Bloch e Figueiredo de Magalhães. O grupo investiu R$ 400 milhões de reais na obra, para atender, principalmente, pacientes de alta complexidade que muitas vezes precisam ir para São Paulo fazer o tratamento. O foco principal do serviço médico do Copa Star é na especialidade de cardiologia e neurologia.

Ao contrário dos hospitais convencionais, o Copa Star é considerado um hospital do futuro, pois conta com uma estrutura que se compara a de um hotel 5 estrelas, possuindo padrão internacional em todos os aspectos. Logo na entrada já é possível observar obras de arte e sentir uma fragrância exclusiva de aromas amadeirado com citrus e não o cheiro de álcool ou éter. Ao caminhar pelos corredores o paciente se depara com uma iluminação natural e obras de arte do pintor Yutaka Toyota, apresentando cerca de 230 obras expostas para que possam ser admiradas. Em anexo a esses corredores, estão as áreas para circulação de macas, enfermeiros e médicos.

O Copa Star está equipado com aparelhos de última geração, desde equipamentos de ressonância magnética avançados até o uso da robótica em aparelhos. Possui salas híbridas, possibilitando aos médicos realizar exames rapidamente enquanto fazem uma cirurgia. Os quartos são especiais, permitindo que os pacientes possam controlar a climatização do ambiente, a iluminação dentre outras comodidades através de um Ipad. A tecnologia permite ainda que por meio de tabletes o paciente possa chamar os enfermeiros e médicos ou conversar online com os mesmos e familiares. Além dessas comodidades, os pacientes que se encontram em CTI’s contam com TVs que transmitem imagens externas ao hospital ao vivo, como a rua, a vista da praia, para evitar a síndrome do confinamento, ficando o paciente ciente do que acontece no ambiente externo para não se sentir isolado.

O restaurante do Copa Star pode ser comparado aos restaurantes de alto padrão contando com um chefe de cozinha estrangeiro, que faz um cardápio diversificado para todos no hospital. A Equipe que trabalha para o bem estar dos pacientes foi altamente treinada por alguns meses para que possa fornecer um ambiente aconchegante e humano para pacientes e familiares. Ao todo são 500 colaboradores, destes 113 sendo médicos muito especializados e treinados. O Copa Star, mesmo sendo um hospital de alto padrão aceita todas as formas de pagamento e também planos de saúde com bandeira Premium.